Archipo.Wilson. Tecnologia do Blogger.

sábado, janeiro 21, 2012

Estado tem a 3ª maior produção da Petrobras

O Amazonas fechou o ano de 2011 como terceiro maior produtor de petróleo e gás do país, ao contribuir para o recorde anual de produção alcançado pela Petrobras.

Província de Urucu em Coari, coloca o Amazonas entre os maiores produtores de petróleo e gás do Brasil Foto: Bruno Veiga/APNO Estado produziu uma média de 119.934 barris de óleo equivalente por dia (boed) no ano passado. A região representou 5,05% do total de 2.376.359 boed no período, que foi 1,6% maior que o total de 2010.

A província de Urucu (a 362 quilômetros da capital) é a principal região onde a Petrobras produz no Amazonas. Diferente das demais regiões onde há exploração de petróleo pela estatal no mar, no Amazonas, a exploração é feita exclusivamente em terra.

Quando avaliada apenas essa modalidade, a produção de petróleo foi a segunda maior do país (52.720 barris/dia), atrás apenas do Rio Grande do Norte, que produziu 53.728 barris/dia em terra. No balanço geral, o Estado ocupou o quarto lugar, atrás do Rio de Janeiro, Espírito Santo e Rio Grande do Norte.

Em compensação, a produção de gás natural foi a segunda maior do país, seguindo o Rio de Janeiro. A cada dia, uma média de 10.686 metros cúbicos do gás foi produzida no Estado. A produção carioca do gás chegou a 21.687 metros cúbicos. Com 56,3 milhões de metros cúbicos de gás produzidos por dia, volume aumentou em 6,2% em relação a 2010.

Produção nacional

Com a exploração no pré-sal, Rio de Janeiro e Espírito Santo ocupam primeiro e segundo lugares, respectivamente, em produção. Em 2011, foram produzidos mais de 1,61 milhão de barris equivalentes por dia no litoral carioca. Já no Espírito Santo, a produção diária ultrapassou 350 mil barris equivalentes.

Fonte: www.emtempo.com.br

domingo, janeiro 15, 2012

PF prende suspeitos de assalto à Caixa Econômica, em Coari

A prisão faz parte da Operação Atraco. Durante as investigações, foram encontrados na casa dos suspeitos, uma arma de fogo; 3 coletes balísticos; 4 camisas da Polícia Civil e R$ 11 mil reais
Assaltantes levaram R$ 1.129.316,37 da agência da Caixa Econômica Federal em Coari

Manaus - Cinco suspeitos de terem participado do furto da agência da Caixa Econômica Federal de Coari-AM (a 363 quilômetros a oeste de Manaus), em dezembro de 2011, foram presos na manhã desta quinta-feira (13) pela Polícia Federal (PF), em Coari. A prisão faz parte da Operação Atraco.

De acordo com o chefe da Delegacia de Repressão a Crimes Fazendários da PF (Delefaz), delegado Domingos Sávio, a 3ª Vara da Justiça Federal do Amazonas expediu os cinco mandados de prisão e dez mandados de busca e apreensão. Durante as investigações, foram encontrados na casa dos suspeitos, uma arma de fogo; 3 coletes balísticos; 4 camisas da Polícia Civil e R$ 11 mil reais. Confome o delegado, as blusas e os coletes foram utilizados como disfarce.

Segundo o delegado, os assaltantes entraram na agência através de um órgão municipal  localizado ao lado banco. Primeiramente, arrombaram a Secretaria e em seguida, quebraram uma divisória que dava acesso ao banco. Ao todo, R$ 1.129.316,37 foram levados pelos assaltantes. O alarme da agência só disparou pela manhã, quando os infratores já haviam deixado o recinto.

Os suspeitos chegaram a Manaus, por volta das 18h, em jato da PF, e serão encaminhados à Unidade Prisional Puraquequara, após realizarem exame no IML. Sávio afirmou que os suspeitos serão interrogados, mas há forte indício de que eles estejam diretamente envolvidos com o crime.

"A maioria deles é natural de Coari e já possui passagem pela polícia por furto, roubo ou tráfico de drogas. O que nos levou até eles foram testemunhas", disse. O delegado afirmou que mais informações não podem ser dadas, uma vez que as investigações estão em curso.

Fonte: www.d24am.com