Archipo.Wilson. Tecnologia do Blogger.

sábado, outubro 09, 2010

Adail terá que explicar ao TCU convênio não cumprido

O processo foi aberto no TCU, após a Funasa realizar tomada de contas especial (TCE) no convênio, celebrado em 2001, e que foi prorrogado duas vezes até vencer em 2008.

Manaus - A 2ª Câmara do Tribunal de Contas da União (TCU) deu 15 dias para o ex-prefeito de Coari Adail Pinheiro apresentar defesa ou devolver aos cofres públicos R$ 4.257.187,67 de um convênio firmado com a Fundação Nacional de Saúde (Funasa), em 2001, que não foi totalmente cumprido.

O processo foi aberto no TCU, após a Funasa realizar tomada de contas especial (TCE) no convênio, celebrado em 2001, e que foi prorrogado duas vezes até vencer em 2008, para a construção de um sistema de esgotamento sanitário composto de rede coletora, tubulação de recalque, poço tubular, estação elevatória e estação de tratamento de esgoto.

O contrato previa a construção de 19.285 metros de rede coletora de esgoto na sede do município, mas só foram executados 9.750 metros. Eram previstas 1.650 ligações prediais e somente 664 unidades foram executadas.

O valor original do convênio foi de R$ 3.519.630,39, sendo R$ 351.963,04 a contrapartida do município. Do total, foram repassados R$ 2.111.778,18 e, ao final das auditorias, ficou constatado um débito de R$ 1.319.861,34 que, atualizado até junho, chega a R$ 4,2 milhões.

Ao TCU, Adail alegou dificuldades para se defender porque não conseguia acesso aos documentos da prefeitura, dificultado pelo seu adversário que assumiu a administração. Alegou, ainda, que muitos documentos foram apreendidos pela operação ‘Vorax’, em 2008, da Polícia Federal, mas os auditores não aceitaram as justificativas.
A Prefeitura de Coari também tem 15 dias para explicar ou efetuar o pagamento de R$ 79.191,68, por não aplicar a contrapartida devida na execução das obras, segundo a proposta do ministro Benjamin Zymler, o relator do processo, que foi aprovada por unanimidade.

Difereças entre o HDD e SSD

Bem, começando com o mais antigo, o HDD, HD ou “Winchester” é o dispositivo de armazenamento secundário na grande maioria dos computadores. Ele é um drive que possui no seu interior “agulhas” (cabeça de leitura e gravação) e discos magnéticos (pratos) que giram em seu eixo atingindo RPMs (rotações por minuto) de 5.400, 7.200 ou 10.000, nos padrões mais comuns.
HD1 Difereças entre o HDD e SSD
Para gravar os dados nos pratos, a cabeça de leitura e gravação de um disco rígido funciona como um minúsculo e preciso eletroímã ao ponto de ser capaz de gravar os dados em setores e trilhas num espaço de menos de um centésimo de milímetro de largura. Quando os dados estão sendo gravados, a cabeça organiza as moléculas da superfície de gravação através do seu campo magnético, pois como ela é um eletroímã, e seguindo a lei física do campo magnético “os opostos se atraem”, sua polaridade pode ser alternada para atrair o negativo ou positivo da superfície magnética dos discos, gerando assim os bits 1 e 0 (sistema binário) onde sua sequência e combinações formam os dados que manipulamos todos os dias.
 Difereças entre o HDD e SSD
Agora iremos entender o que é um SSD. Do inglês solid-state drive (unidade de estado sólido), o SSD consiste em um hardware para gravar dados não voláteis, ele possui interfaces SATA, IDE ou USB. Bem, acredito que todos sabem o que é um pen drive ou cartões de memórias como os Memorys Sticks e SDs. Esses sistemas têm em comum a memória flash. Pois bem, como nesses dispositivos, nos SSDs os arquivos ficam armazenados nas memórias de estado sólido, não necessitando, assim, de discos magnéticos nem “agulhas” para os dados poderem ser lidos ou gravados.
Embora a taxa de transferência de um SSD seja comparável à de um HDD, os SSDs ganham (“de lavada”) em tempos de acesso aos dados, pois o encontro dos arquivos é quase que imediato devido não necessitar localizar os dados nos setores nem nas trilhas (como nos HDDs) e ainda independe de rpm, além de gerar economia de energia (muito importante para os notebooks), ter menor massa (“peso”), ser resistente à vibração da máquina e menor poluição sonora melhorando consideravelmente o desempenho do computador.
Então com a queda gradativa do valor da memória flash, o SSD está ganhando mercado, mas, infelizmente, o preço ainda continua bastante elevado ao custo de um drive de 120GB sair pelos R$ 1.000,00 (mil reais).
clip_image002[4]
E para os aficionados por tecnologia, aqui vai uns dados interessantes a respeito do SSD:
  • O SSD pode receber impactos de até 1000 vezes a força da gravidade.
  • O SSD consegue ser até 9 vezes mais rápido que os HDs comuns.
  • Em servidores, o uso de SSDs em RAID pode aumentar em até 40 vezes a velocidade.
  • Eles consomem até 20 vezes menos que os HDs convencionais.
Para verem uma comparação na prática entre computadores com os dos tipos de drivers de armazenamento confira o vídeo abaixo:
É amigo, o HD já está com os dias contados… Em breve os SSDs estarão bastante populares no mercado e aí é só esperar pra ver quem é que vai substitui-los. Serão as nuvens?

Plugin de notificação de e-mail para Firefox

Encontrei um plugin que vai ajudar bastante a quem tem que está sempre de olho em sua caixa de e-mail. O bom de tudo que você não precisa está com a janela aberta de sua caixa  para você saber se chegou e-mail. Você será notificado pela barra de status de seu navegador Firefox.

Para que não sabe, eu estou falando do plugin Webmail Notifier, neste post vou ensinar  como você deve configurar este excelente plugin de notificação. Após instalar o plugin ele irá pedir para reiniciar o firefox, clique em reiniciar.

Para você configurar o plugin, acesse o menu Ferramentas de seu Firefox, clique em “Complementos” e em “Webmail Notifier” clique em opções e você vai esta tela:


Configurável para os seguintes emails listado, destaque para Gmail, yahoo e Hotmail. Qualquer dúvida é só postar.

O Idiota do Dia

sexta-feira, outubro 08, 2010

Ex-prefeito de Coari deve explicar irregularidade em convênio com a Funasa

08 de outubro de 2010
Portal Amazônia, com informações do TCU


MANAUS - O Tribunal de Contas da União (TCU) determinou que o ex-prefeito de Coari (AM) Manoel Adail Amaral Pinheiro apresente defesa ou devolva R$ 4.257.187,67, valor atualizado, à Fundação Nacional de Saúde (Funasa).


A determinação é devida à execução parcial do contrato firmado entre o município e a coordenação regional da Funasa no Estado do Amazonas, que tinha como objetivo a construção de um sistema de esgotamento sanitário composto de rede coletora, tubulação de recalque, poço tubular, estação elevatória e estação de tratamento de esgoto. Segundo o relatório do TCU, apenas 37,58% da meta foi cumprida.

O município de Coari também deverá apresentar defesa ou efetuar o pagamento de R$ 79.191,68, por não aplicar a contrapartida devida na execução das obras.

Pinheiro e o município têm 15 dias para se manifestarem. O ministro Benjamin Zymler foi o relator do processo. Cabe recurso da decisão.

quinta-feira, outubro 07, 2010

Como fazer gelo em apenas 1 segundo

Como vencer uma discussão

Google cria novo formato de imagem para web, o WebP

Google


O Google criou um novo formato de imagem que possui a mesma qualidade do JPG, porém é, em media, 40% menor.

Chamado de WebP, o novo formato de imagem criado pelo Google, foi desenvolvido com o objetivo de agilizar a navegação pela internet, pois com arquivos de imagem mais leves o carregamento das páginas será bem mais rápido.

O WebP é open source e se depender do Google será o novo padrão de imagens da web. Mas isso não será tão simples, pois o JPG, que é o padrão hoje, é adotado nos mais populares sites da internet a exemplo do Flickr do yahoo, que briga junto à Microsoft pelo mercado das buscas na rede, dominado pelo Google.

Para tentar ganhar mais essa guerra o Google terá de conquistar primeiro os pequenos sites e os usuários para, só assim, ver os seus concorrentes se renderem ao seu novo padrão.
E essa batalha já começou, o Google liberou um software que converte qualquer tipo de imagem no novo formato WebP e ainda faz uma comparação entre os formatos.


Como entrar no Twitter sem internet

Para acessar ou entrar no twitter offline sem precisar usar a internet é só encontrar um desses aí oh.

Prático ou não?

segunda-feira, outubro 04, 2010

Kevin Mitnick fala sobre as vulnerabilidades do Cloud Computing

PC is Over! Essa é a sentença anunciada pela MIPC, empresa especializada em serviços cloud computing. O pacote de serviços PCIO, sigla para a primeira frase desse texto, foi apresentado ontem no hotel Hyatt em São Paulo. Para atrair o público, a empresa trouxe ao Brasil Kevin Mitnik, consultor e ex-hacker mais famoso do mundo.

Em sua apresentação, Mitnik falou sobre os riscos existentes na adoção de uma solução Cloud Computing. Demonstrou, formas de invasão e vulnerabilidades existentes. Alegou que não conseguiu demonstrar tudo o que pretendia devido ao serviço de conexão disponibilizado pelo hotel.

Entre as ameaças citadas por Mitnik, a mais enfatizada foi a tecnologia compartilhada. Segundo o ex-hacker a nuvem pública, para ser segura, deve ter um ambiente limpo. Antes de aderir a esse serviço o empresário deve questionar quais dados de outros clientes estão lá, para poder certificar sua própria segurança.

Antes de pensar em adaptar seu cenário a um mundo virtualizado é preciso atentar-se às estratégias de mitigação do fornecedor. Mais importante ainda é identificar quais são as táticas da sua empresa para controlar os riscos. “É importante saber o que proteger e como proteger”, diz Mitnik.

Pegando carona na explicação do consultor, o CEO da MIPC Leandro Fraga apresentou o novo pacote de serviços da empresa que anuncia o fim dos PCs. A empresa está em atividade desde 2005 e nasceu devido o investimento do fundo americano Blue Water Properties.

“A arquitetura tradicional traz problemas de acesso, mobilidade e segurança”, afirma Fraga. Segundo o empresário, uma das vantagens da PCIO é que tudo fica na Internet e é acessado através de um client, o que possibilita acesso remoto a qualquer momento, de qualquer dispositivo.

A MIPC oferece pacotes básicos ou completos, de acordo com a necessidade do cliente. Segundo o empresário não é possível precisar o que cada cliente terá, pois o serviço é personalizado. No momento existem 3 mil usuários em experimentação no Brasil.

Outra vantagem, segundo Fraga, é que o serviço é compatível com qualquer banda. Como o projeto iniciou em 2005, em que as condições de conexão eram ainda mais precárias, o PCIO é preparado para todas as velocidades, o que abre um leque de alternativas em caso de falta de acesso.

Fraga diz que as PMEs são as que tem o maior potencial de ganho com Cloud Computing, mas a prontidão menor ainda dificulta. “A empresa não pode enxergar os ganhos se o cálculo de investimento em TI não for feito”, afirma e ainda diz que enxerga, em um futuro próximo, a tecnologia em nuvem sendo utilizada por Pessoas Físicas, também.

Deputados federais eleitos - Amazonas

Praciano (PT) 166.387 (10,87%)
Rebecca Garcia (PP) 146.665 (9,58%)
Átila Lins (PMDB) 131.429 (8,59%)
Silas Camara (PSC ) 127.134 (8,3%)
Carlos Souza (PP) 112.393 (7,34%)
Pauderney (DEM) 100.199 (6,55%)
Sabino Castelo Branco (PTB) 93.112 (6,08%)
Henrique Oliveira (PR) 85.535 (5,59%)

Deputados estaduais eleitos - Amazonas

01 - Belarmino Lins (PMDB) 52.092 (3,57%)
02 - Marcos Rotttta (PMDB) 47.090 (3,23%)
03 - Jose Ricardo (PT) 38.380 (2,63%)
04 - Conceição Samp aio (PP) 35.503 (2,44%)
05 - Ricardo Nicolau (PRP) 31.748 (2,18%)
06 - Sidney Leite (DEM) 30.399 (2,09%)
07 - Josue Neto (PMN) 28.448 (1,95%)
08 - Adjuto Afonso (PP) 28.313 (1,94%)
09 - Chico Preto (PP) 26.153 (1,79%)
10 - David Almeida (PMN) 24.479 (1,68%)
11 - Fausto Souza (PRTB) 24.228 (1,66%)
12 - Vera Castelo Branco (PTB) 24.207 (1,66%)
13 - Francisco Souza (PSC ) 24.090 (1,65%)
14 - Dr Vicente (PMDB) 23.642 (1,62%)
15 - Wanderley Dallas (PMDB) 23.529 (1,61%)
16 - Regis (PMDB) 23.444 (1,61%)
17 - Artur Bisneto (PSDB) 21.256 (1,46%)
18 - Luiz Castro (PPS) 18.609 (1,28%)
19 - Tony Medeiros (PSL ) 18.602 (1,28%)
20 - Marcelo Ramos (PSB ) 18.595 (1,28%)
21 - Professor Sinesio (PT) 17.597 (1,21%)
22 - Abdala (PTN) 17.500 (1,2%)
23 - Cabo Maciel (PR) 16.259 (1,12%)
24 - Orlando Cidade (PTN) 10.961 (0,75%)